Constituição Material (Pedro Santos)

Compêndio em Linha de Problemas de Filosofia Analítica (2013)
João Branquinho e Ricardo Santos (eds.)
Lisboa: Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa
O artigo aborda as diversas noções de constituição material, isto é, os diversos sentidos em que se pode dizer que uma entidade material é feita de outra ou outras. A análise quineana dos substantivos de massa é apresentada e, com base nela, uma análise mereológica das diversas noções de constituição material é proposta. Uma análise da distinção entre objetos materiais, substâncias e porções de substâncias também é proposta. Por fim, algumas objeções a essa teoria são consideradas.

Palavras-chave: Constituição, matéria, substância, mereologia, substantivos incontáveis
The paper deals with the several notions of material constitution, i.e., with the several ways in which a material thing can be said to be made of others. The Quinean analysis of mass nouns is presented and, based on it, a mereological analysis of these several notions is proposed. An analysis of the distinction between things, stuffs and portions of stuff is also suggested. Finally, some objections to this view are discussed.

Keywords: Constitution, matter, stuff, mereology, mass nouns

Conteúdo

1. Noções de constituição
2. Substantivos de massa em Quine
3. Uma teoria quineana da constituição
4. Objeções